logo branca (1).png
  • Sala de Interrogatório Podcast

Dono da fábrica de bebês - O caso de Gary Michael Heidnik

Ele manteve seis mulheres no porão da sua casa, seu objetivo era criar uma “fábrica de bebês” - O caso de Gary Michael Heidnik.

Ouça o episódio completo:











Gary Michael Heidnik nasceu em Ohio, teve uma infância conturbada com uma mãe alcoólatra e um pai violento. Entre entradas e saídas de clínicas psiquiátricas e um casamento falido (sua esposa o deixou depois de sofrer inúmeras violências domésticas), ele resolveu colocar um plano macabro em prática.


Gary queria filhos, muitos filhos, ele queria ter o maior número de filhos que conseguisse, para assim tem uma família só dele. Para ter filhos ele precisava de mulheres. Gery começou a sequestrar mulheres e prendê-las em seu porão, ele não só as estuprava como as torturava, por vezes com choques ou as deixando presas em posições extremamente desconfortáveis.


Ao todo ele prendeu seis mulheres em seu porão, Sandra Lindsay de 24 anos acabou morrendo no cativeiro depois de ficar vários dias presa a uma viga, Deborah Dudley de 23 anos também morreu, quando foi eletrocutada dentro de buraco cheio de água.



“Todos os dias no poço eram terríveis. Depois de um tempo ele levou mais garotas e todas passavam pela mesma rotina: algemas colocadas nos tornozelos e eram enfiadas no buraco. Heidnik era imprevisível.”

-Josefina Rivera, uma das vítimas


Por fim, Josefina Rivera conseguiu conquistar a confiança de Gary. Ele concordou em soltar ela para que ela trouxesse uma nova esposa, mas Josefina foi direto pedir por socorro. Gary, então com 43 anos, foi acusado de assassinato, estupro, sequestro e agressão agravada. Ele não conseguiu comprovar insanidade, foi sentenciado à pena de morte por injeção letal e foi executado no dia 6 de julho de 1999.


Você já conhecia esta história?

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
branco.png